Arquivos

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Vamos ter esperança!

Foi aprovada esta noite, em reunião extraordinária do executivo municipal, a proposta de protocolo a assinar entre a CMA e o SCBM (ver notícia relacionada). Nesta fase, parece-me despropositado e prematuro estar aqui a tecer considerações ou reflexões profundas sobre esta matéria. No entanto, porque tenho verificado algumas imprecisões sobre a proposta de protocolo nalguma imprensa, o que é susceptível de gerar confusões, decidi disponibilizar o teor do documento por esta via.
Permitam-me apelar à serenidade na discussão dos temas e matérias que este acordo envolve. Devemos, como ponto de partida para uma discussão despida de vícios, tomar consciência de alguns dados fundamentais para se compreender o projecto de salvação do clube que a Comissão Administrativa pretende apresentar aos sócios e cuja assinatura deste protocolo será apenas o primeiro passo. Nesse sentido, recomendo a leitura atenta do Comunicado publicado hoje no site do clube.
A seu tempo, quando os dados estiverem todos em cima da mesa, os sócios poderão fazer a sua análise e decidir que futuro pretendem para o clube, na certeza de que a actual Comissão Administrativa está legitimada para cumprir o objectivo para o qual foi eleita: salvar o clube, recuperá-lo e devolvê-lo aos sócios. Se tal não acontecer, nada do que possamos discutir agora fará sentido.

4 comments:

António Santos disse...

Esperem lá...

Então e actual dívida da EMA ao Beira-Mar? O que é que lhe sucede?

Também não percebo como é que a CMA vende ao Beira-Mar os terrenos para construção dos campos de treinos e do pavilhão por 750.000,00€ e o terreno das piscinas por 1.283.200,00€. Ou seja 2.033.200,00€... Então o Beira-Mar, além de não receber da EMA ainda terá de pagar esta quantia exorbitante?

Para mais, spós ler o Comunicado da CA, parece-me que existe um problema gravíssimo de tesouraria e este protocolo em nada o ajuda a resolver, antes pelo contrário! O Beira-Mar não recebe o capital em dívida pela EMA e ainda tem que pagar à CMA? Ou eu estou a ver isto tudo mal ou o protocolo não explica tudo...

Esclareça-me, por favor, Sr. Nuno Q. Martins.

Obrigado pela atenção.

Anónimo disse...

Tanto quanto me apercebo estamos no inicio de um processo negocial, segundo o comunicado da CA no Site do clube, por isso entendo que existem outras peças em curso de negociação. Normalmente o segredo é a alma do negócio vamos aguardar com serenidade para ver o plano final. Também estou ansioso por o conhecer, mas entendo que não se deve fazer muito ruido enquanto o processo não está concluido.

Apenas beiramarense disse...

Vamos ter calma e aguardar. Á frente do clube estão as pessoas que o quiseram salvar da morte certa. São pessoas que prejudicam o seu sossego para salvar o Beira Mar apenas porque gostam dele, não precisam do Beira Mar para viverem, então temos de respeitar essas pessoas e confiar que elas não andam a dormir e estão a defender o melhor que é possível o clube de que gostamos. OK?!

Nuno Q. Martins disse...

Caro António Santos,

Este protocolo é apenas o primeiro instrumento de um projecto mais abrangente. Lido isoladamente, admito que seja de difícil compreensão. No entanto, se tivermos em conta a dívida e compromissos assumidos pela CMA e EMA relativamente ao clube, mais facilmente compreenderá a linha orientadora deste negócio.

Relativamente ao problema de tesouraria, ao contrário do que afirma, acredito que este protocolo dará um contributo importante para a sua resolução.

Peço-lhe alguma paciência por, nesta fase, ser ainda prematuro avançar com mais detalhes. Faltam à análise instrumentos que serão fundamentais para a compreensão global deste projecto, cujo "timing" de divulgação será decidido pela Comissão Administrativa em defesa dos interesses do clube. Compreenda a reserva necessária sobre algumas matérias que, nesta fase, é absolutamente necessária.

Cumprimentos.