Arquivos

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

António Sousa despedido

Informa o jornal "O Jogo" que a Comissão Administrativa decidiu dispensar o técnico António Sousa do cargo de treinador de futebol profissional. Sem adiantar as razões, tudo leva a crer que os fracos resultados desportivos estarão na base desta decisão. Resta-nos aguardar pela posição oficial do clube.

24 comments:

PN disse...

Era inevitável.Um treinador que não transmite confiança à equipa, nem manda um "berro" no balneário quando é preciso não é um bom líder. Venha alguém mais activo e com vontade de triunfar. Alvaro Magalhães: à atenção da Comissão Administartiva. Julgo ser o ideal neste momento. AVEIRO E BEIRA MAR SEMPRE!!!!

Anónimo disse...

ALELUIA!! E ao 7º dia fez-se luz!! Agora vamos começar a ver uma equipa de vencedores...

Anónimo disse...

Resta esperar pela posição oficial do clube e pela posição oficial do treinador. A verdade nunca está só dum lado e é bom ouvir as duas partes. E o treinador até pode ter muito a dizer, nomeadamente sobre a qualidade do plantel que lhe deram e os resultados que parece que lhe exigiram.

Anónimo disse...

Parabéns Nuno, conseguiste!!!

Agora o treinador vais ser tu e o Pedro vai para adjunto!!!

Boa, vamos levar o clube pra distrital!!!

Anónimo disse...

Álvaro Magalhães??! Por amor de Deus.....

PSS

Anónimo disse...

De Parabéns está o Quintaneiro, conseguiu cumprir o objectivo, mais uma vez passando por cima de tudo e de todos.

Anónimo disse...

vão buscar o bernardino pedroto.... o leiria foi buscar o manuel fernandes...

Anónimo disse...

CARVALHAL ESTÁ LIVRE....

TALVEZ SEJA SOLUÇÃO.

Anónimo disse...

Grandes dirigentes. Grandes orientadores técnicos, especialistas em gente que já provou não ser melhor que Sousas e companhia...
É só fartura. Só admira que nunca se tenham candidatado a nada!...

Anónimo disse...

Se se confirmarem os boatos que por aí correm, é uma pena que o Ricardo Sousa tenha valorizado dessa maneira as críticas normalíssimas no mundo do futebol quando não se está em forma e ponha fora o capital de simpatia que tinha nos adeptos aveirenses.

Anónimo disse...

Carvalhal deixa o Asteras - in "O Jogo"
Zeca

Anónimo disse...

Vão buscar o Treinador aos Iniciados do Nacional.
Esse berra e bem....

Anónimo disse...

Vão buscar o Treinador aos Iniciados do Nacional.
Esse berra e bem....

Anónimo disse...

Mau grado os resultados menos bons, vejo com mágoa a saída do António Sousa, um grande Homem e um grande beiramarense, que me deu a maior alegria desportiva da minha vida, para sempre gravada na minha memória!


Até breve


Sócio nº 2597

Anónimo disse...

CARVALHAL, agora disponível!


E revertam a história ....


Cumprimentos

Francisco Dias disse...

Caros, por lapso foram apagados 2 comentários. As minhas desculpas aos respectivos "proprietários".

Anónimo disse...

Gostava que me explicassem como é possivel a CA no inicio de epoca, vir fizer que este ano era para manter, e ao fim de 6 jornadas, despedir o treinador, quando a equipa é totalmente nova.
Não deram tempo sequer de a equipa se entrosar.
Devem ter muito dinheiro.

Só por curiosidade, O benfica que comprou menos do que o Beira mar, o seu tecnico diz que ainda está a construir a equipa.

É por isso que o BM nos ultimos anos andou na rua da amargura.

Felicidades a todos

Daniel disse...

O meu comentário foi um dos apagados, pelo que deixo-o aqui de novo.

Caro António Sousa. Obrigado por ter estado disponível para regressar ao Beira-Mar numa altura tão dificil.

Não é com alegria que o vemos sair. Acredite que mesmo os Beiramarenses que não gostam do futebol das suas equipas, preferiam chegar ao fim do ano admitindo que estavam errados e levá-lo em ombros pelo sucesso que mais uma vez tivesse alcançado.

Boa sorte para o seu futuro tanto no campo profissional como pessoal.

Aos restantes Beiramarenses faço 2 apelos: Respeito por quem sai e apoio a quem fica.

Força Beira!

Anónimo disse...

Finalmente alguem com bom senso.

Parem de falar e apoiem, porque só assim o Beia Mar pode crescer.

Anónimo disse...

podiam ter aproveitado e despediam o dos juniores tb. os resultados ainda são piores.

Anónimo disse...

Para mim é com alguma tristeza que vejo sair um dos simbolos do clube após um regresso muito saudado, mas provavelmente era inevitável face aos resultados e algo mais ainda por esclarecer...
A questão do novo treinador passa primeiro pelo que o Beira-Mar está disposto a pagar. Bruno Moura talvez seja a melhor alternativa, neste momento. Jovem, ambicioso, metodos de trabalho bons.
Mas há por exemplo o Antonio Conceição (ex-Trofense)...

Anónimo disse...

O despedimento de António Sousa, poderia merecer um titulo "COMO MORRE UM MITO", de facto depois do Beira-Mar o seu percurso fala por si, o Beira-Mar era a unica casa que lhe daria a possibilidade de voltar ao Sucesso. Do A.S. tinha já uma opinião formada, feita em outras épocas no passado, não tinha o gosto pelo risco, não sabia reagir a tempo em função das alterações tacticas do adversário, mas sempre pensei, que neste seu regresso,quizesse associar o seu nome ao reerguer do também seu Clube, imaginava-o a estudar os adversários, a fomentar a competição interna no balneário, no banco a incitar os seus pupilos, no seu gabinete de trabalho reunido com os seus adjuntos a avaliar a equipa adversária, jogador a jogador, simular respostas a prováveis opções contrárias, enfim a fazer o trabalho casa. Mas não foi este treinador que vi,no banco amorfo, reacção ao adversário tardia, quase sempre a 15 min do fim, competição entre jogadores não foi percepcionável, tudo isto indicia ausência de trabalho de casa, aliás vísivel na hora a que chegava aos treinos e a que saia, aqui posso estar a ser injusto, porque foram poucos os treinos que presenciei, mas os resultados, e não só ganhar ou perder, as exibições e sobretudo a ausência de soluções tacticas no decurso dos jogos, são indícios de muito pouco trabalho.
E assim morre o mito, ficará na história do BM pelas boas e más razões, o mundo evolui a cada instante e com ele só sobrevive quem entender os tempos em que actua.
A.S. teve sucesso como treinador muito cedo, mas reformou-se também demasiado cedo, é pena que assim tenha acontecido, mas a vida é inexorável para quem confia que pode ter na intuição a sua única arma de Sucesso.

Anónimo disse...

daniel que grande comentario

Anónimo disse...

Boas,

Morte de um Mito?
Não me parece...

A carreira de A.Sousa ainda vai ser longa, porque ninguém, mas ninguém mesmo tem o direito de a dar como terminada.

E custe o que custar a todos os beiramarenses A.Sousa foi o único que levou o Beira-Mar a ser reconhecido no mundo do futebol com a única Taça que têm de importante em toda a história do clube!

Irei esperar para ver o próximo que faça isso! Ou talvez deixa essa oportunidade para os meus bisnetos ou sabe-se lá que geração...!

Cumprimentos!