Arquivos

domingo, 11 de janeiro de 2009

Vitória difícil, mas justa!

Crónicas do jogo com o Freamunde aqui, aqui, aqui e aqui.

A foto de família e as homenagens a Nuno Martins e Diego Sacco no intervalo. Para ver aqui.

Num jogo que presenciado por mais de 3500 espectadores nas bancadas.

-
-
-
Foto de João Freitas

10 comments:

DIOGO disse...

O Blog "Sempre do Beira!" voltou!

http://sempredobeira.blogspot.com/

FORÇA BEIRA-MAR!!!

Diogo

Fan disse...

Nuno, já não ia ao EMA desde a primeira jornada desta época (em que empatámos com o santa clara).

Fui, paguei as quotas e fiquei admirado por não ter que esperar quase nada para ser atendido. Vi o jogo na bancada poente e fiquei parvo com a passividade (da maioria) dos sócios (serão sócios dos convites?). A maioria nem contestava o àrbitro, quanto mais apoiar, de vez em quando lá se viam e ouviam umas palmas mas muito tímidas.. Eu perguntei ao meu amigo que ia comigo, se estávamos no cinema ou no teatro, e porque é que os adeptos não gritavam e apoiavam, e ele respondeu-me que era por causa da distância com o relvado e que no "velhinho" é que era, mas eu acho que isso não é desculpa, o "velhinho" era mais perto do relvado isso é um facto, mas aí haviam sócios e adeptos, que gritavam, apoiavam e sofriam como ninguém e agora cada vez vejo menos adeptos assim e os que vibram com o jogo são considerados fanáticos, arruaceiros, malucos e sei lá mais o quê. É a merda do futebol moderno, as pessoas habituaram-se a ver futebol na sporttv e no sofá.

Eu não vou mais para a bancada poente, vou para a minha bancada norte, lá ao menos existe uma claque que apoia e vibra com o jogo e a maioria são SÓCIOS. Podem ser meia dúzia como muitos dizem, podem não se ouvir, podem não deixar entrar material, podem obrigar a tapar o "Ultras" da faixa principal, mas amam o SCBEIRA-MAR como ninguém e defendem o clube da maneira que for preciso, gritam, apoiam, chamam nomes ao àrbitro e estão sempre presentes. Honra aos verdadeiros adeptos. Ódio eterno ao futebol moderno!

Esta vitória é dedicada aos meninos da BA. "Até os comemos!" Afinal quem é que foi comido?


Nuno, tira a moderação dos comentários, penso que só perdes com isso, perdes visitantes, comentários e isto perde vida. Fica a sugestão.




Cumprimentos

Nuno Q. Martins disse...

Olá "Fan",

Fico contente com o teu "regresso" à bola.

Em relação às bilheteiras, a política do clube é privilegiar os sócios. Existem algumas insuficiências de meios técnicos e humanos ao nível das bilheteiras, sobretudo, para dar resposta ao grande volume de espectadores que chegam em cima da hora do jogo com quotas e bilhetes ainda por adquirir. Nesse sentido, a opção tem sido gerir o fluxo no local, tendo sempre em atenção que o sócio do clube deve merecer um atendimento privilegiado.

Quanto às tuas considerações sobre o público de Aveiro, tenho a minha opinião que já a transmiti em vários fóruns. É necessária alguma paciência. Estamos numa fase de reconstrução da mística do Clube, o que leva o seu tempo.

Relativamente à moderação de comentários, não abdico dela. Quando dizes que o blogue perde em "vida" e em "comentários", eu respondo-te que ganha em elevação. E é com elevação que eu trato dos assuntos que me são gratos. Julgo que é mais positivo para o BN e para o clube a aposta na qualidade dos comentários do que a quantidade. Quanto ao número de visitantes, como deves calcular, não é uma preocupação para nenhum dos autores.
Infelizmente, existem muitos anónimos que não respeitam nada nem ninguém. Nem eu, nem aqueles que visitam este espaço com elevação, merecem "levar" com eles.

Um abraço.

Anónimo disse...

Já não ía ao estádio desde que perdemos contra o Covilhã à 5ª Jornada. Estava mesmo desanimado, pois perdemos e o estádio estava quase às moscas.
Se agora fiquei satisfeito com a vitória, devo confessar-vos que mais satisfeito fiquei com o número de espectadores que estavam nas bancadas. Há muito tempo que não via tanta gente nas bancadas e então a Bancada Norte estava espectacular. Assim sim!
Para o próximo jogo lá estarei outra vez e desta vez prometo que não abandonarei o barco ao primeiro desaire.

PN disse...

Faço minhas as palavras do Fan. No topo verifiquei e comentei com as pessoas que estavam a meu lado que o pessoal que ali estava na sentia o futebol quanto mais o clube. A ver vamos se tens razao Nuno, e se no proximo jogo ja ha mais vibração na bancada. Esperemos que sim em prol do clube.
Aveio unida rumo à primeira.

Gostei muito da homenagem ao Diego Sacco. E gostei mais ainda das palavras dele. Aquele "Obrigado Beira Mar, obrigado Aveiro" comoveu-me sou sincero. Fiquei arrepiado visto que o disse sentido.

S.Cruz disse...

:( que saudades de ir ah bola

Anónimo disse...

Pois é … o mal é esse.
Como é possível que pessoas que “abandonam” ou deixam de ir após os maus resultados e que andam desanimados e outras coisas assim e depois vão a um jogo quando as coisas já não andam tão mal e se colocam a filosofar sobre “passividade” dos sócios de convite ou não.
Acho que a forma de viver o futebol é com cada um.
Eu que até sou dos que gostam de “contestar o árbitro”, não acho que isso deva ser uma atitude de todos. Cada um vive o SCBM como gosta e se lá for sempre ou quando quer é livre. Não gosto de gritar nem de cantar no futebol, gosto de o ver no meu canto, e sempre fui a quase todos os jogos em casa em especial nestas épocas piores nuca deixei de estar presente.
Assim sendo penso que não é correcto só porque se volta a ir ao estádio disparar sobre quem lá estava sem saber se esteve, se paga, se não paga e como grita ou deixa de gritar.
Além disso não é por pagar as minhas cotas e os bilhetes de época que me revolto contra os convites, por mim podem distribuir convites a toda a gente, quanto mais gente dentro do estádio melhor.
Um abraço
HR

Fan disse...

Por não ir à bola há algum tempo, não se pode criticar a postura dos adeptos/sócios? Acho muito bem que cada um viva o futebol à sua maneira. O público está diferente e eu notei isso, vi muitos jogos no EMA, habitualmente na bancada norte e o público (da poente) reagia mais ao jogo e apoiava mais. Era só isso que queria dizer no meu último comentário, agora se para dizer isso é necessário ter bilhete época ou a ir aos jogos em casa todos, por favor...

Eu também não me revolto contra os convites, revolto-me é com as pessoas que usam constantemente convites para ver o Beira-Mar e não se fazem sócios (algumas, chegando ao ponto de gozarem com os sócios por não pagarem nada, apesar de felizmente isto acontecer menos). Acho muito bem que arranjem convites às escolas, mas façam-nos sócios também, porque só assim se consegue "fidelizar" esses jovens e possivelmente os acompanhantes (família e amigos).

Um abraço.

PN disse...

Mais uma vez faço minhas as palavras do "Fan". É altura que Aveiro e o Beira Mar ganhem a cumplicidade que Guimaraes, por exemplo, tem em relaçao ao Vitoria.
AVEIRO E BEIRA MAR SEMPRE!!!!

Anónimo disse...

Quem são os antigos jogadores que estão entre o Paulo e o Nunes? E entre o Diego e o Peão?