Arquivos

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Vingança?

Armindo Sequeira em declarações ao jornal O Aveiro



Na passada Terça-Feira, no programa Desporto Falado (Aveiro FM), tive oportunidade de questionar o Dr. Armindo Sequeira sobre os fundamentos da acção executiva que os ex-dirigentes Artur Filipe e José Cachide estão a mover contra o clube. Na sua exposição inicial, o advogado dos dois ex-dirigentes referiu que a motivação da referida acção residia no facto da Comissão Administrativa não ter assegurado o pagamento dos juros decorrentes dos empréstimos bancários contraídos pela anterior direcção, dos quais os seus clientes são avalistas.

No entanto, a presente acção executiva, na qual consta a penhora de bens do clube, fundamenta-se nos alegados créditos decorrentes de empréstimos pessoais dos ex-dirigentes ao clube e não nos referidos juros bancários que, publicamente, têm sido utilizados para justificar o recurso às vias judiciais...

Absolutamente lamentável... Recuso, terminantemente, a aceitar este tipo de actuação por parte de pessoas que, além de sócias, já foram dirigentes do clube. Recordo, ainda, o compromisso assumido pelo Sr. José Cachide, em plena Assembleia Geral, de não exigir os seus créditos enquanto o clube não estivesse em condições de os satisfazer. "Posso perder todo o dinheiro que tenho no clube, mas não perco a minha dignidade" (15-05-2008), disse.
-
Não esquecer que a direcção presidida pelo Sr. Artur Filipe e da qual o Sr. José Cachide foi vice-presidente, candidatou-se voluntariamente aos órgãos sociais do clube em 2005, tendo sido eleita para um mandato de três anos, tendo contraído os respectivos empréstimos bancários e pessoais por sua decisão, tendo apresentado um projecto para o clube que não foi capaz de executar, tendo terminado o mandato e apresentado a sua demissão, deixando o clube num vazio directivo e em falência técnica.

8 comments:

Anónimo disse...

Nuno,

o Beira Mar tem de se defender das sanguessugas, está atento, todos temos de salvaguardar o futuro do clube mais representativo de Aveiro.

Anónimo disse...

Receita fácil:
Qualquer sócio investe "1 Bilião de Euros" no Beira-Mar para gerir o clube. Estás a ver.. tipo um miúdo descontrolado que investe o que quer..

Regras: Não damos orçamentos e não prestamos contas aos associados.

PS: No final saímos do clube para abandonar o barco.

Resultado: Levar o clube à falência e depois pedir o pagamento com os juros.
HAHAHAHA!

Anónimo disse...

Mas afinal o dinheiro nãó é deles?

Vocês emprestaram algum??

Anónimo disse...

Estes abutres são a vergonha dos bons empresários portugueses, estão habituados a agir na sombra e na economia paralela. O Sr José deve ter aprendido com o sr. António e quem lhe fez as contas foi o sr. Manuel, lembram-se! E o sr Prof Dr Gonçalo envergonhamente e vergonhosamente como um rato esconde-se e manda os outros pró cepo e assobia pró ar lembrando que não tem nada a ver. E o Dr Miguel será melhor que os outros? a ver vamos.
Mais uma vez afirmo: não se esqueçam de votar neles novamente para para a CMA porque eles são os maiores ...
Lembrem-se: o BM como não tem estatuto de empresa, aquando da contração de dívidas os seus dirigentes é que têm de avalizar as mesmas, logo estes mesmos dirigentes é que têm de as suportar por isso esses abutres não se armem agora em "blufers" acolitados por "armindos" ou outros para virem buscar aquilo que desbarataram. Estamos fartos de incompetentes e ladrões - revejam o exemplo do grande Engº Pascoal - também do bacalhau - e ponham a mão na consciência - que não têm
Litério

Anónimo disse...

O Armindo Sequeira sozinho enterra-os até ao pescoço.....

Mindinho Sequeira disse...

eu??

nem pensar, eu quero é o meu também, ou pensam que sou diferente dos jogadores?

Anónimo disse...

Proponho-vos um jogo, temos um conjunto de letras dispostas aleatóriamente, com as quais podemos construir o nome de conhecidos ilustres "inhós", aqui vão:
"josecachidecaetanoalvesarturfilipecapãofilipearmindosequeiraeoutros".
Díficil? uma ajuda, pertenceram á direcção do BM, associam um advogado que se esquece que comete um acto indigno ao litigar contra um seu ex-cliente e não sei se não terá a Ordem à perna por isso!
Pronto não vos ajudo mais, andam distraidos ou não, são figuras de ficção, por isso vão dar-nos mais uns dias de suspense; mas eu prometo-vos , teremos um final à TVI.
Ps:não sabem o que significa "inhós"? puxem o I e soltem o NHÓ várias vezes,Já perceberam; claro não se aconselharam com o Armindo Sequeira.

Anónimo disse...

O Armindo, diz que os créditos do Caetano Alves, estão no montante da penhora ao Beira Mar do Artur Filipe.
Votem nele?