Arquivos

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Títulos de Salvação - O problema do "free ride"

Conforme já tive a oportunidade de dizer, não será seguramente esta campanha que resolverá todos os problemas do Beira-Mar. Trata-se contudo de mais uma iniciativa que visa apelar à comunidade aveirense a união de esforços e o contributo adicional de cada um na viabilização de um projecto quase centenário. Um dos problemas destas campanhas está sempre no chamado "free ride", fenómeno que a ciência económica explica com facilidade: basicamente consiste no pensamento "alguém que pague por mim". É importante que o clube diga claramente qual o objectivo a atingir, e que tenha de uma forma permanente o grau de execução. As pessoas precisam entender que não basta o outro aderir: todos devemos (se assim o entendermos e desejarmos) contribuir para que o Clube sobreviva. Trata-se, digamos assim, de um descargo de consciência individual.


Acho também que não basta ter um link no site com o nome de subscritores. Devia haver um contador na página principal. A campanha tem que vir para a rua, para as lojas, para o comércio tradicional, para os jornais. As pessoas têm que ter facilidade em aderir. Já tive a oportunidade de falar com várias pessoas que pretendem dar o seu contributo mas não sabem como nem onde (sim, o Estádio é uma barreira que dificulta este processo). Uma vez mais o Clube tem que estar próximo das pessoas.

9 comments:

Anónimo disse...

Na Assembleia Geral foi informado e o site tem as respostas:
Aquisiçao:
Estadio EMA
Estadio "velho"
tel 234 910 100
socios@beiramar.pt
directamente no banco NIB ? (site)
Zig-Zag

Conta Especifica

Utilização:
Ordenados dos colaboradores

O site informa diariamente quem participa, quanto e onde foi aplicado.

O contolo é efectuado pela AG,CF e CG.

Anónimo disse...

Isto é tudo muito bonito: Assembleia Geral e Site. Então esperem pela próxima AG e vão vender aos 50 sócios que lá apareçem. E quanto ao site, é uma óptima desculpa para se dizer que o clube dá todas as informações. Quantos sócios e adeptos visitam regularmente o site do clube? Enfim. Concordo em absoluto com o post. O clube tem que ser mais próximo das pessoas. Afinal o interesse em arranjar dinheiro é de quem?

Anónimo disse...

o interesse de arranjar dinheiro é de todos os verdadeiros beiramarenses.
se nem tedos tem hipotse de visitar o site, não custa nada aos que o visitam fazer passar a informação.

Pedro

S.Cuz disse...

curiosidade:

O nome dos actuais cangalheiros do clube constam da lista de subscritores de activos!!!

E levantarem as penhoras não? hipocrisia...

Anónimo disse...

Querem salvar o clube voltem a jogar no estádio antigo, que voltam a ter publico e a ter receitas decentes de bilheteira.

Anónimo disse...

S.Cruz queria ver se o senhor tivesse no beira-mar 1M€ empatado no beira-mar e ver que nunca mais o iria ver o que fazia. isso nao significa que nao possam contribuir e que nao sejam beiramarenses. Primeiro está o que é meu.

Anónimo disse...

Vá lá, união ou isto vai tudo borda fora.
Deixemos de acusar, isto é uma OPERAÇÃO URGENTE.
Eu vou contribuir.
Rui Fontes

Anónimo disse...

Se ninguem já vai ao futebol, e se o Beira-Mar deixou de ser o clube da cidade de Aveiro, quem é que irá dar dinheiro ? Voltem á cidade, ao verdadeiro Mário Duarte que as pessoas voltam a aderir e salvam o clube.

S.Cruz disse...

Anonimo você não é gente...

E porque iria eu (presidente) colocar €1M no clube? investir em que? Jogadores? Treinador? Em nome de quem?...
Se coloco dinheiro do meu bolso é à minha responsabilidade uma vez que sou eu que vou gerir, não é para depois o exigir quando a minha gestão de merda ter colocado o nome do clube na boca do mundo pelos piores motivos. E quanto a mim tudo por birrinha de puto quando ouve o que não quer por ver outros a fazer melhor o serviço, e diga-se que os mesmos colocaram o clube a ser um senao o unico a dar lucro no fim de uma epoca desportiva.
Sabe qual foi o problema? Foi os estatutos não estarem blindados contra esses individuos. porque se estivessem €1M não lhes bastavam para corrigir os erros.
Como diz...CONTRIBUIR sim, porque não vai ver ninguem cobrar os €200 se a coisa der pro torto.