Arquivos

sábado, 18 de setembro de 2010

Empate soube a pouco!


O Beira-Mar recebeu um Maritimo pós chicotada psicológica a Mitchell Van der Gaag, estando os verde-rubros comandados agora, por Pedro Martins. Duas equipas com objectivos distintos no campeonato, o Beira-Mar ambiciona a manutenção o mais depressa possível, já o Maritimo tem a Europa como objectivo, no entanto o inicio de campeonato não tem sido nada fácil para os forasteiros.



Leonardo Jardim lançou o mesmo onze que havia alinhado na deslocação a Setúbal, Rui Rego na baliza, Pedro Moreira, Kanu, Hugo e Renan no sector defensivo, Djamal, Sampaio e João Luiz no meio-campo, nas alas Artur e Wilson Eduardo e na frente Rui Varela.

O jogo começou a um ritmo alucinante e logo no primeiro lance da partida Wilson Eduardo ultrapassa em velocidade o último defesa maritimista e remata para defesa e um pouco de sorte à mistura de Marcelo. Uns minutos depois, cabeceamento de Baba para defesa de recurso de Rui Rego. O jogo estava a ser jogado a um ritmo elevado embora nem sempre bem jogado e as oportunidades numa e noutra baliza iam aparecendo. Renan na execução de um livre descobre Wilson Eduardo que desvia de cabeça para boa defesa de Marcelo. Aos 37 minutos passe longo de Alonso a desobrir Baba e este perante a passividade"?" ou falta de velocidade"?" de Hugo desviou a bola à saida de Rui Rego abrindo o placar do marcador. Ainda antes do intervalo expulsão de Kleber por agressão a Kanu.

Já era conhecida a falta de organização defensiva entre sectores do Maritimo, no entanto o Beira-Mar seguiu o exemplo e talvez por isso saiu a perder para os balneários. Era gritante, o espaço concedido para jogar entre o meio-campo e a defesa auri-negra, que permitia aos visitantes fazer correr a bola e descobrir facilmente espaços livres.

Leonardo Jardim arriscou na segunda parte e lançou Maranhão e Ronny. O Beira-Mar melhorou e muito sobretudo pelo mais recente estreante (Alex Maranhão), o canhoto mostrou bons pormenores e saiu mesmo dos pés do brasileiro o lance do empate auri-negro. Alex Maranhão aponta um cruzamento ao segundo poste onde Wilson Eduardo estava solto de marcação e o jovem português amortece de peito para o remate de primeira de Rui Sampaio para as redes de Marcelo. O empate surgiu cedo e deixava os adeptos auri-negros a sonhar com algo mais. O jogo tornou-se mais morno depois do empate e também devido à alteração promovida por Leonardo Jardim, o técnico fez entrar Tatu no lugar de Rui Varela mas com esta alteração tirou Maranhão da ala esquerda onde estava a dar muito trabalho a Ricardo Esteves e colocou-o a 10, o Beira-Mar perdeu alguma dinâmica e imprevisibilidade e só já perto do fim criou perigo, remate fortissimo de Renan obriga Marcelo a brilhar e já nos instantes finais golo anulado a Hugo por suposto fora-de-jogo.

Na próxima jornada o Beira-Mar tem um jogo importante em Portimão, as duas equipas recém promovidas voltam a encontrar-se, esperemos com desfecho positivo para a nossa equipa!
PS: Preocupa-me o facto de não termos outro Djamal no banco, o médio esteve simplesmente impecável como já começa a ser hábito!

11 comments:

Anónimo disse...

Vamos ganhar a Portimão!!!!!

Ricardo Rodrigues disse...

Beira-Mar claramente superior na 2ª parte e a merecer inteiramente a vitória. Sim, tinha mais uma unidade em campo, mas mostrou que sabe jogar à bola.
Fico com a sensação de que o 2º golo é mal anulado. Seja como for, parece-me que temos equipa!

Joaquim disse...

Sim temos equipa mas convém começar a marcar o suficiente para ganhar jogos

Anónimo disse...

Jogámos com um clube europeu atenção.
na 1 parte demos muito espaço e vimos jogar demais! na 2 foi diferente mas em contra-ataque o maritimo tmb podia ter marcado

Anónimo disse...

o varela está ali a mais fora isso temos equipa pa ter rápido a manutençao

Anónimo disse...

Golo mal anulado

Anónimo disse...

jardim tira o varela e poe o ronny............. o artur tb pode ir pelo maranhao

Anónimo disse...

O PESSOAL NAS BANCAdAS TEM QUE DESPERTAR....TEMOS QUE PUXAR PELA EQUIPA.....

João Branco disse...

José e restante comunidade de autores, peço atenção para o post que escrevi no meu blog sobre o jogo:

http://joaorbranco.blog.com/2010/09/19/beira-mar-1-1-maritimo/

Abraço.

PN disse...

O árbitro (e seus assistentes) não queriam que o Beira Mar ganhasse. O golo anulado é um verdadeiro escândalo. E só o anulou porque não queria que vencêssemos. Isso foi por demais evidente. Este Soares dias é a pior coisinha que anda aí. Nem categoria tem para apitar nos regionais. E aquele amarelo ao Maranhão?! Só rir...

Anónimo disse...

Houve um livre em que o "bandeirinha" do lado poente levantou a bandeira bem antes da bola partir...
Se houvesse uma câmara a acompanhar os árbitros assistentes bem que se podia mandar as imagens para os apanhados e nem sequer era preciso arranjar um gajo com "patuá" para enganar o dito cujo!...