Arquivos

terça-feira, 16 de novembro de 2010

"O Beira-Mar está a morrer, acordem"


"Hoje o clube está numa situação que não é nova, por força de gestões mal feitas, mesmo à beira de morrer", alertou António Regala, presidente adjunto do Beira-Mar em conferência de imprensa.

O clube tem arrestadas e penhoradas as receitas de todos os jogos até ao final da época, informou o dirigente, dando conta da impossibilidade de pagar salários e contribuições para a Segurança Social, "tal é a asfixía".
A "impossibilidade de governação", em resultado de execuções movidas por ex-dirigentes credores, "pode originar a morte do Beira-Mar", admitiu António Regala.
"Apelamos às pessoas para que acordem e não lamentem quando acontecer", acrescentou, dando conta da necessidade de tomar decisões até ao final da semana.
Caso contrário poderá ficar em causa, desde já, a organização do jogo com o Benfica, na próxima semana, que envolve custos na ordem dos 40.000 euros.
A direcção manter-se-á em funções, se tiver condições para não "atirar a toalha ao chão", até eleições antecipadas que devem ter lugar em Janeiro.
Artur Moreira, presidente da Assembleia Geral lamentou, por sua vez, o "fenómeno de auto-destruição" que se vive em torno do Beira-Mar. "As dificuldades surgem cá dentro", criticando a posição dos ex-dirigentes.
"Apelo a que compreendam e ajudem, num ultimo esforço, senão é impossível viver", avisou.

Paes vai ser titular na recepção ao Fátima

Contratado no inicio da época ao Avaí, o guarda-redes brasileiro sofreu uma paragem prolongada devido a lesão numa mão.
Com Rui Rego, habitual titular condicionado por motivos físicos, e Oblak ausente na selecção eslovena sub 21, o treinador do Beira-Mar decidiu dar uma oportunidade a Vicente Paes com o Fátima (II Liga).
Esta não será a única alteração no ´onze´, confirmou Leonardo Jardim na antevisão da partida que não poderá contar, ainda, com o influente médio Djamal, ausente na selecção da Líbia.
"Admito algumas alterações, mas nenhuma é para baixar o nível qualitativo. Vou colocar quem trabalha muito bem, outros que já jogaram no inicio da época. Mas longe de mim fragilizar a equipa perante este adversário", disse, esperando que os escolhidos saibam dar uma resposta positiva.

13 comments:

João C disse...

Esses senhores deviam de ter vergonha na cara

José Ribeiro disse...

Lamentável, fico triste e revoltado quando alguém que se diz beiramarense quer a todo o custo arruinar o seu clube, será que estes senhores não percebem que se o Beira-Mar acabar eles não recebem, nunca, o "seu" dinheiro?!

Está na hora da cidade acordar, fazer-se um cordão humano, uma manifestação, algo que demonstre que ainda há pessoas dispostas a lutar, dispostas a sofrer pelo Beira-Mar! Pode não adiantar de nada é uma verdade mas também torna-se bem mais fácil acabar com algo que não tem receptividade e amor da própria cidade, algo que está abandonado...

Eu acredito que vamos sobreviver contra tudo e contra todos, mas será muito dificil se os responsáveis pelas penhoras não deixarem de ser intransigentes!

Anónimo disse...

Estou inteiramente de acordo. Temos que ser nós, ADEPTOS, AMANTES do clube a fazer alguma coisa. O advogado chupista e os credores judas têm que entender definitivamente que ou retiram o clube do estado de coma, até eleições, onde sinceramente espero que apareçam, ou serão para sempre associados à morte do Beira mar e posteriormente eu próprio e quem mais se quiser oferecer, aniquilarei o bacalhau e o farmácias. Revoltante é a palavra certa.

Daniel disse...

Não vou alinhar no bota abaixo, no insulto fácil (que me apetece muito fazer) ou nos lamentos. Prefiro discutir opções e a meu ver nesta altura a direcção tem apenas 2:
1. Tenta realizar o jogo normalmente, incorrendo nos custos de 40.000 euros e não tendo proveitos por estes estarem penhorados.
2. Realiza o jogo à porta fechada, não incorrendo nos custos de 40.000 euros e continuando a não ter os proveitos por estes estarem penhorados.

Doi-me ter de sugerir isto, mas para bem da sobrevivência do clube e como forma de acordar realmente quem de direito, acho que o jogo devia realizar-se à porta fechada.

Anónimo disse...

Eu sou a favor da manifestaçao, Tudo pelo meu beira..Que tristeza tao grande

Sócio Insatisfeito disse...

Julgo que este processo tem sido pouco transparente. Para que todos os sócios percebam efectivamente quais a intenções de cada actor neste processo sugeria o seguinte:
1) uma reunião com a direcção em funções, o presidente da assembleia-geral, um representante da Câmara, um representante da liga de clubes e jornalistas de vários órgãos (para contarem a história do encontro com isenção);
2) nessa reunião que sejam analisadas as contas bancárias, despesas correntes, receitas, activos financeiros, património e dívidas;
3) Os credores que apresentem uma proposta de pagamento faseado das dívidas;
4) a Direcção se não concordar que justifique o porquê e apresente uma contra-proposta;
6) se os credores não aceitarem a contra-proposta, então o presidente da assembleia-geral, que os convide a assumirem a gestão do clube e a implementarem o plano por eles sugerido para pagamento das dívidas.

Rui Almeida disse...

concordo contigo josé,temos de ser nos adeptos e sócios a fazer algo!

Miguel Silva disse...

Neste caso não interessa estar a utilizar a comunicação social para resolver o problema.
Resolvam o problema e em vez de 12500 euros por mês paguem mais e cheguem a acordo. Sugestões para arranjar dinheiro ? Reduzam o plantel. Basta ver a quantidade de jogadores que o Beira-Mar tem e que nunca jogam. Têm 29 jogadores no total. Sabem quantos jogadores tem o plantel do Benfica ? 28.
Está tudo dito.

Anónimo disse...

Cá para mim estão à espera de amanhã...talvez venha a Nossa Senhora de Fátima com a equipa e faça cá o milagre da desaparição das penhoras. Pelos vistos o mário costa não acredita em milagres, nem em vendilhões do templo e foi por isso que atirou com a toalha. Mas prontos estes estão á espera do milagre. Fiem-se na virgem e não corram..

S.Cruz disse...

Subscrevo o primeiro comentário. É preciso ter lata vir pedir para acordar!! Afinal quem é que andou a dormir até aqui?

Anónimo disse...

É pá sempre à procura de culpados e de insultos...pois o grande problema foi andarem para a qui a tomar partidos e só complicaram a coisa. Desfaça-se o protocolo com a Câmara...devolvam as piscinas ao Beira-Mar...e tudo se resolverá...

Anónimo disse...

Vai ser Beira-Mar Benfica à porta fechada...

Anónimo disse...

Concordo com o sócio das 18:15.
Já que todos ralham e nimguém tem razão, porque não há pão,e então, todos mentem. Porque os dirigentes vêm contar que feitas as reuniões os ex-dirigentes não aceitam faseamentos, etc....E os ex-dirigentes vêm dizer que a direcção não aceitou propostas de faseamento, etc...
Vamos então fazer reunião em praça pública com todos os que queiram assistir quer sejam ou não sócios do SCBM,mais testemunham acordos ou descordos e assinaturas. Preto no branco.Será que isto não chega???