Arquivos

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Por si só não quer dizer nada...

... mas ao mesmo tempo quer dizer muito. O crescimento do SC Braga pode e deve ser estudado e analisado. O clube continua a marcar pontos dentro de campo, mas principalmente fora de campo. Acções de comunicação estruturadas, envolvimento com a cidade e região, preocupação com processos internos, eficiência na utilização de recursos e criação de mecanismos de apoio à gestão. A bola pode nem sempre entrar, mas enquanto os clubes, na qualidade de organizações que devem ser profissionais na sua gestão, tiverem presentes que a sua base de sustentação se encontra nos sócios e adeptos, o futuro estará salvaguardado.

1 comments:

Nuno disse...

Ou quererá dizer muito?...
Aconselho a leitura da norma de referência para a certificação (em inglês dizem "Registered" que obteve o SC Braga (versão portuguesa: NP EN ISO 9001:2008). Poderei disponibilizá-la ao Francisco Dias, se estiver interessado. Concordo quando diz que são os sócios e adeptos que sustentam o clube. Mas, se tiver acesso à Política da Qualidade e aos Objectivos da Qualidade, conforme requerido por esta norma, talvez seja mais compreensível o que pretende o SC Braga com a certificação. Anualmente, o Braga será auditado por uma equipa da entidade certificadora, para comprovar a eficácia e o desempenho do seu sistema da qualidade. Se perder a certificação ficará "mal colocado" perante a comunidade desportiva e empresarial, que entende disto.
Um abraço do Nuno Barata