Arquivos

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Contas aprovadas


Os sócios do Beira-Mar reuniram-se, esta noite, para continuarem a Assembleia Geral iniciada no passado dia 17. No início dos trabalhos, foi admitido a votação um ponto proposto pela Comissão Administrativa no sentido de ser autorizada a realizar operações de crédito até ao montante de 200 mil euros, o qual foi aprovado por unanimidade.

De seguida, os sócios aprovaram (com duas abstenções) o relatório de contas relativo ao exercício 2009-2010, o qual evidencia um resultado líquido negativo de €182.626,73.

De registar que a Comissão Administrativa teve que pagar cerca de 462 mil euros relativos a prémios pela subida de divisão. Note-se, ainda, a importância da venda das piscinas para a sobrevivência do clube, sublinhada pelas palavras do vice-presidente João Silva: "A receita do negócio das piscinas permitiu ao clube terminar a época. Sem essa receita, o clube não teria sobrevivido.", referiu.

Em resposta a um pedido de esclarecimento de um associado sobre o ponto de situação das relações entre a Autarquia e o Clube, António Regala esclareceu que houve recentemente uma reunião entre as partes na qual a CMA manifestou a sua disponibilidade em constituir uma comissão arbitral para resolver o diferendo com o Beira-Mar. Nessa reunião, o Presidente da CMA prometeu levar este assunto a votação na próxima reunião do executivo camarário, deixando como exigência que todos os vereadores, incluindo os da oposição, aprovem a constituição desta comissão.

O Presidente da Assembleia Geral, Dr. Artur Moreira, terminou a reunião magna advertindo que a luta pela sobrevivência do Beira-Mar continua.

8 comments:

Anónimo disse...

Pois...que assembleia tão rápida e silenciosa...

JMO disse...

Fui um dos dois sócios que votou "abstenção" devido a algo que não posso deixar em claro e que considero anormal. Não é aceitável que na AG de aprovação do Relatório e Contas não se entregue aos sócios o Relatório (só as contas) com a desculpa da poupança e de uma fotocopiadora avariada. Espero que não demorem a coloca-las online...

ruben disse...

eu nao percebo muito de contas...mas mais de 8 milhoes de passivo e mesmo muita coisa, o numero ate assusta, espero que quem la esteja na comissao, que continue com amor a camisola

Anónimo disse...

Incompetencia dos trabalhadores, só pode ser.
O problema é que a culpa morre solteira, em qualquer empresa minimamente organizada rolariam cabeças, mas neste clube reina o nacionalporreirismo.
Armando Sá

Anónimo disse...

O jornal A Bola deu uma informação errada sobre o montante do passivo.Leiam a notícia da Terra Nova e do Jornal O Jogo e verificam que o passivo do clube diminuiu 300.0000 euros,cifrando- se em 5.700.000 euros.
Apoiem o Beira Mar e deixem-se de mer...

JMO disse...

A Bola e outros jornais que falaram de 8 milhões de passivo não estão errados. Não há é conhecimento técnico para referirem as contas ou "dividas" : muitas pessoas confundem dividas com passivo, o que não é correcto.
Dividas, dividas, o Sport Club Beira-Mar tem 5,5 milhões de euros. Se alguém doasse esse dinheiro, ficariamos com as contas a zero (isto se as provisões por causa de processos em curso estejam correctas). Se quiserem explico como se chega a este valor...

Anónimo disse...

Mas foram ou não fornecidos os papeis?

JMO disse...

Anónimo das 22:09

Acho que já o esclareci: foi entregue na AG as contas. Não foi entregue o Relatório (as primeiras 30 paginas do doc total). Não foi discutido assim nada da actividade do clube mas sim as contas somente.