Arquivos

quinta-feira, 29 de março de 2012

Assembleia de votação do Relatório e Contas

Decorreu esta noite, com cerca de meio ano de atraso relativamente ao prazo previsto nos Estatutos do clube, a Assembleia Geral Ordinária de votação do Relatório e Contas referente ao exercício 2010-2011.
A Assembleia começou com a votação de um voto de pesar, aprovado por unanimidade, pelo falecimento do ilustre associado Domingos Cravo, tendo António Cruz feito o reparo pelo facto do site do clube apenas ter publicado uma nota sobre o assunto dois dias depois do funeral.
De seguida, os sócios aprovaram todas as actas que se encontravam por votar. Pessoalmente, apenas votei contra a acta referente à Assembleia Geral de 26 de Maio de 2011 (registou 5 votos contra e 2 abstenções), tendo feito questão de ditar uma declaração de voto pelo facto de, na referida acta, não constar qualquer referência aos pressupostos que contribuiram para a formulação da vontade dos sócios que aprovaram a constituição da SAD, nomeadamente:
1. Distribuição do capital social da SAD da seguinte forma: 80 % investidor externo, 5% sócios e 15% clube;
2. Liquidação do passivo do clube por parte do investidor externo;
3. Salvaguarda do pavilhão;
4. Transmissão dos trabalhadores do clube para a SAD;
5. Salvaguarda da quotização dos sócios como receita do clube;
6. Assunção, por parte da SAD, das equipas de iniciados, juvenis e júniores de futebol.
Quanto ao relatório, na parte de gestão, registei a boa exposição da sua actividade elaborada pela Academia de futebol, pelo basket, futsal, judo e bilhar. Quanto à secção de boxe, fiquei admirado com o comentário, no próprio relatório, referindo que "parece fazer uma travessia no deserto". Quanto ao Paintball e ao Triatlo, "não foram dadas a conhecer quaisquer atividades desenvolvidas ou participadas na última época". No que respeita aos sócios, é referido que o clube tem 3709 sócios, mas apenas cerca de 2000 têm as quotas em dia.
No que toca às contas, salienta-se que o clube encaixou 434.553,99€ com a venda dos direitos económicos dos jogadores Kanu, Ronny e Rúben Lima, tendo sido apurado, no exercício em apreço, um resultado líquido positivo de 395.276,35€.
O relatório evidencia que o clube tem um passivo total de 7.447.048,53€ e uma "situação líquida" de -3.429.288,15.
No final da Assembleia, a direção divulgou que, no próximo Sábado,DIA 7 no Edifício da Capitania, pelas 14:30 será lançado o livro "Pisa e o Beira-Mar 1957/1961", que recorda esses gloriosos anos: pela mão de Anselmo Pisa o Beira-Mar chegou à 1.ª Divisão, pela primeira vez, num percurso que começou nas distritais. Foi ainda divulgado que o jantar de comemoração do 90º aniversário do clube, no qual serão distribuídos os emblemas de ouro e prata, terá lugar no próximo dia 13 de Abril, no Restaurante Cozinha do Rei.

6 comments:

Anónimo disse...

As contas apontam para receitas com transferências no exercício anterior na ordem dos 435 mil euros, envolvendo Kanu, Ronny e Ruben Lima.

(...) pagamento do Benfica, de 50 mil euros, alegadamente como compensação aquando do apelo ao boicote dos adeptos encarnados feito por Luis Filipe Vieira a jogos fora de casa.

A verba terá servido para abater em comissões de empresários com quem o clube aveirense trabalho.

Ler site Noticias de Aveiro

Isto é o Beira Mar. Estou esclarecido.

AS

Anónimo disse...

Oh Quintaneiro, a direcção deve te ter pago bem para não contares tudo o que aconteceu na assembleia de ontem. E dos dinheiros que o Ulisses e o Patrão receberam do Benfica? E os dinheiros que desapareceram das vendas do Kanu e do Rui Sampaio? Não dizes nada porquê? Também deves ter recebido algum não é?

Anónimo disse...

Não consigo perceber quanto é que a direção pagou aos angariadores, leia-se, Ulisses e Patrão, de um investidor.
50.000 euros e foi pago com o dinheiro do Benfica sem passar pelo clube?
150.000 a cada empresário e já receberam os tais 50.000?
Afinal o Patrão é angariador de investidores ou gestor de ativos do investidor? Ou é as duas coisas?
E o investidor ademite isto ou também recebe comissão?
Que raio de trapalhada.
Que falta de ética, pelo menos da direção e dos ditos empresários
Estarei a perceber mal?

Anónimo disse...

Onde pode ser adquirido posteriormente o livro "Pisa e o Beira Mar"?

Filipe Neto disse...

ontem desloquei-me á capitania ás duas da tarde e não vi nenhuma apresentação do livro alguém me sabe explicar o que sucedeu ou se foi um erro de comunicação da direcção, é que no site nem foi falado nada disso.

Joao Oliveira disse...

Foi um erro do Nuno Quintaneiro, caro Filipe... é no sábado, véspera de Páscoa, dia 7 à mesma hora.

Entretanto já corrigi o texto!