Arquivos

sábado, 15 de agosto de 2015

ANGARIAÇÃO DE FUNDOS - MISSÃO: MÁQUINA DE CORTAR RELVA


ANGARIAÇÃO DE FUNDOS - MISSÃO: ANGARIAR UMA MÁQUINA DE CORTAR RELVA

A campanha está lançada e está aprovada pela direcção do Sport Clube Beira-Mar, a qual ja prestou os seus serviços na divulgação em órgãos de comunicação social desta região.

Não perca mais tempo e contribua de forma credível, honesta e transparente nesta missão, intitulada: Aquisição de uma Máquina de Cortar Relva no valor de 2.900€, a qual será fulcral no decorrer da época para o novo relvado do Beira-Mar.

Contribui com o teu donativo, nem que seja 1€.

CAMPANHA: http://ppl.com.pt/pt/causas/requalificacao-estadio-aveiro

Apoio: Sport Clube Beira Mar​

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Cristiano Roland garantido para a época 2015/16

Parece que o Beira-Mar quer apostar na sua formação alienando a isso alguns jogadores experientes e que já passaram pelo Sport Clube Beira-Mar em tempos áureos. Cristiano Roland depois de estar pelo Vietnam está a caminho de Aveiro para poder ajudar o Beira-Mar na próxima época, sendo um jogador que além de representar 5 anos o Beira-Mar, ainda ganhou uma Taça de Portugal e foi contratado pelo Benfica.Será certamente um reforço de peso.

domingo, 9 de agosto de 2015

Mercado de Transferências: Sport Clube Beira-Mar 2015/16


 O Sport Clube Beira-Mar, através da sua direcção, tem vindo a contactar antigos jogadores de forma a poderem dar o seu contributo na fase mais difícil da vida do maior clube da região de Aveiro.
 Alguns nomes conhecidos já foram falados, estando ao que tudo indica já com palavra dada o jogador Pedro Moreira. Cilio Souza poderá estar a caminho.


 Os contactos irão manter-se no decorrer das próximas semanas, estando o início do campeonato da 2ª distrital possivelmente agendado para os dias entre 19 a 20 de Setembro. 
 Possíveis nomes que poderão ser contactados até já podem ter pendurado as chuteiras, mas o esforço desta direcção faz com que os jogadores pensem naquilo que já viveram no Beira-Mar, falando desta forma de nomes como Fary, Rui Dolores, Ribeiro, Cristiano, Palatsi, Fernando Aguiar, Ricardo Sousa, Tininho, Areias, Kata, Hugo.


Ponto de situação: Sport Clube Beira-Mar 2015/16

 Depois da hecatombe que caiu no seio dos beiramarenses/aveirenses com o seu clube a ser relegado para o mais baixo nível de futebol federado em Portugal, mais concretamente a ultima divisão possível de se jogar futebol, a 2ª distrital da AF Aveiro. O Beira-Mar acredita num novo projecto, onde tudo começará do zero, esperando alcançar a 2ª liga em 5 anos sabendo antemão que este será um sonho bastante complicado devido aos apoios que escasseiam e à competitividade nestas divisões inferiores. 
 Mas agora é tempo de por mãos à obra, e os associados do Beira-Mar juntaram-se e aplicaram-se nos últimos tempos na reconstrução/requalificação do velhinho Estádio Mário Duarte, o qual poderá ser a casa do Sport Cube Beira-Mar nos próximos tempos, esperando desta forma dar algum ânimo ao reerguer do clube da cidade de Aveiro.
 O Sport Clube Beira-Mar iniciou esta sexta-feira um período de captações para a sua equipa sénior que se prolongara ate dia 11 de Agosto, de forma a escolher os melhores jogadores federados/profissionais para militarem na 2ª divisão distrital.
 Além destas captações o Beira-Mar está a contactar os antigos jogadores do Beira-Mar de forma a tentar chamar para este novo projecto que englobará formação com alguns jogadores experientes, nomes que já fizeram muitos de nós saltar e deliciar com a sua performance.

Sport Clube Beira-Mar desce ao mais baixo escalão de futebol federado em Portugal - 2ª Divisão Distrital (AF Aveiro)

O Sport Clube Beira-Mar caiu para os distritais, e jogará a próxima época na AF AVEIRO - 2ª DIVISÃO DISTRITAL (SÉRIE C), a mais baixa divisão de futebol federado em Portugal. Corresponde desta forma a uma descida abrupta, da 2ª Liga para a 5ª Divisão.
Se formos unidos, o Sport Clube Beira-Mar em 3 anos poderá estar de volta à 2ª Liga, processo esse que será épico se acontecer, já que a competitividade é enorme nestas divisões, mas nada é impossível.

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Saídas: Debandada continua no Sport Clube Beira-Mar

    A debandada continua para os lados do triste Beira-Mar com a saída dos dois jogadores históricos do clube nos últimos anos, mais propriamente, Rui Rego e Pedro Moreira.
    Rui Rego, 35 anos, chegou a Aveiro em 2010-2011, vindo do Chaves na companhia do treinador Leonardo Jardim, tendo festejado nesse ano o regresso à primeira Liga. O lateral direito Pedro Moreira rescindiu ontem o contrato que tinha validade até ao fim da época de 2017.
   O jogador de 31 anos envergava a camisola aurinegra há seis épocas. Curiosamente, ao longo da sua carreira, antes de chegar a Aveiro, só tinha passado pelo Penafiel.
    Pedro Moreira, que fez 36 jogos, segue o exemplo de nomes de ´peso´ do plantel do Beira-Mar que invocaram salários em atraso para rescindir unilateralmente, já depois de conhecida a despromoção administrativa da segunda liga, como Rui Rego (guarda-redes), André Nogueira ou Vitor Vinha.

terça-feira, 30 de junho de 2015

Beira-Mar despromovido ao Campeonato Nacional de Seniores (CNS)

   A bomba caiu...e explodiu com grande estrondo no fim da noite de ontem. O Sport Clube Beira-Mar levou mão pesada da Liga de Clubes face aos incumprimentos relativos à época transacta e deixa assim de fazer parte da II Liga 2015/16, sendo relegado para o Campeonato Nacional de Seniores. É com tristeza que todos os amantes do Beira-Mar tiveram na manhã desta terça-feira, sabendo que a vida não será fácil num campeonato duríssimo e onde apenas passará 1 equipa por cada zona (norte, centro e sul). É lamentável ver o clube de Aveiro cair deste modo, mas já tinhamos a consciência que mais cedo ou mais tarde ace às 'brincadeiras' que vinham a fazer com o fogo, um dia iriam queimar-se, e esse dia chegou.
   
Provavelmente será uma equipa totalmente nova, já que irá haver uma varredura a todos os níveis, e isso é que pode fazer cair ainda mais o Beira-Mar. Contudo, saliento aqui episodios identicos ao do Beira-Mar como as apostas ilegais por parte do Atlético, o 'jogo-fantasma' do Freamunde contra o Ponferradina, os inúmeros salários em atraso do Olhanense...e verificamos que tudo isto passou impune à Liga. E uma vez mais, pelo 2º ano consecutivo, o Atletico volta a ocupar a vaga extra na II Liga, provavelmente porque terá mais influencias do que o Beira-Mar neste momento na Liga, porque já lá vão os tempos em que o Sr. Madaíl tinha voz dentro da Liga.
Antes da decisão da liga de descer o Beira-Mar, o Beira-Mar foi penalizados com a subtracção de 4 pontos, mas a decisão final ficou com a relegação para o CNS.


Reacções de alguns históricos sobre o tema:
“Recordo tempos idos e lembro-me de tudo e de todos. Sinto uma tristeza profunda e faço um esgar de raiva. Os 'artistas' que começaram com esta derrocada em 2005 e os que a finalizaram, com o acordo que fizeram com o homem do Irão. Algum dia terão a consciência tranquila? Mas será que algum dia a tiveram? Julgo que não, pois a vaidade, ofuscou-lhes tudo”, escreve o antigo dirigente, Mano Nunes, no Facebook.
“Se este for o preço necessário para acabar com uma SAD ao serviço de interesses estranhos e espúrios, em nada condizentes com o passado, a história e os valores do Sport Clube Beira Mar, abençoada decisão, por muito dura que seja no imediato, por muito triste que possa parecer. A médio e longo prazo será, inquestionavelmente, uma forma de o Clube se reencontrar consigo mesmo e com a própria cidade”, disse João Pedro Dias, membro da AG do Beira-Mar.

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Petição: Queremos de volta o Sport Clube Beira-Mar ao relvado do Estádio Mário Duarte

Petição pública - Queremos voltar ao Estádio Mário Duarte
Esta petição foi lançada por mim há algum tempo, e espero que face aos últimos comentários proferidos pela actual administração da SAD beiramarense, o desejo de voltarem a requalificar e colocar o Beira-Mar de novo a jogar no velho Estádio Mário Duarte faça sentido. Verdade é que muitos adeptos perderam a ligação ao Sport Clube Beira-Mar depois da mudança para cascos de rolhas, para um estádio num meio descampado. Muitos, incluindo eu próprio, mantenho a promessa de que no dia em que o Beira-Mar volta à sua verdadeira casa, lá estarei novamente para pagar cotas e ver os jogos em casa. Isto é realmente o que 80% dos beiramarenses que se desligaram do clube pensam neste momento. Muitos deles, nem se importam de pagar as cotas para irem ver 1 ou 2 jogos por mês no mítico Mário Duarte, o qual estava perto da ria, dos velhos aveirenses que devido à distancia não puderam acompanhar o Beira-Mar, assim como aqueles que na periferia como os vaguenses, ilhavenses, gafanhas, se colocavam em poucos minutos no pulmão do Parque de Aveiro para irem apoiar o Sport Clube Beira-Mar. Todos sabemos que naquele estádio pequeno, muitas das grandes equipas não passaram, e foi lá que o Beira-Mar fez algumas subidas de divisão e outros feito históricos, como o seu primeiro jogo em casa para a Taça UEFA frente ao Vitesse. Ninguém tem dúvidas que os resultados desportivos seriam bem melhores, os pontos amealhados em casa seriam muito mais do que aqueles que fizemos quando fomos para o novo estádio, assim como a nível de jogo, o Beira-Mar praticava um futebol mais atractivo além de que o apoio seria bem maior.

Tentei fazer uma micro-análise aos últimos 5 anos no Estádio Mário Duarte entre 1998/99 e 2002/03:
  • 1998/1999 (Estádio Mário Duarte)
     - 12 vitórias, 17 empates e 13 derrotas.
     - 54 golos marcados e 58 golos sofridos.
     - 16º lugar na 1ª Liga Portuguesa (descida de divisão)
     - Vencedor da Taça de Portugal
  • 1999/2000 (Estádio Mário Duarte)
    - 19 vitórias, 12 empates e 9 derrotas.
    - 59 golos marcados e 38 golos sofridos.
    - 2º lugar na 2ª Liga Portuguesa (subida de divisão)
    - Finalista na Supertaça Cândido de Oliveira (perdemos as 2 mãos com o FC Porto)
    - Taça UEFA 1999/2000 1ª ronda (1-2 na 1ª mão, 0-0 na ª mão)
  • 2000/2001 (Estádio Mário Duarte)
    - 14 vitórias, 7 empates e 14 derrotas.
    - 45 golos marcados e 52 golos sofridos.
    - 8º lugar na 1ª Liga Portuguesa
  • 2001/2002 (Estádio Mário Duarte)
    - 11 vitórias, 9 empates e 16 derrotas.
    - 52 golos marcados e 58 golos sofridos.
    - 11º lugar na 1ª Liga Portuguesa
  • 2002/2003 (Estádio Mário Duarte)
    - 10 vitórias, 10 empates e 16 derrotas.
    - 45 golos marcados e 53 golos sofridos.
    - 13º lugar na 1ª Liga Portuguesa
    - Fary melhor marcador da Liga 2002/2003
Agora, a micro-análise aos primeiros 5 anos no Estádio Municipal de Aveiro entre 2003/04 e 2007/08:
  • 2003/2004 (Estádio Municipal de Aveiro) - 12 vitórias, 8 empates e 16 derrotas.
     - 39 golos marcados e 48 golos sofridos.
     - 11º lugar na 1ª Liga Portuguesa
  • 2004/2005 (Estádio Municipal de Aveiro)
    - 10 vitórias, 15 empates e 17 derrotas.
    - 43 golos marcados e 62 golos sofridos.
    - 18º lugar na 1ª Liga Portuguesa (descida de divisão)
  • 2005/2006 (Estádio Municipal de Aveiro)
    - 18 vitórias, 14 empates e 3 derrotas.
    - 45 golos marcados e 19 golos sofridos.
    - 1º lugar na 2ª Liga Portuguesa (subida de divisão)
  • 2006/2007 (Estádio Municipal de Aveiro)
    - 12 vitórias, 15 empates e 19 derrotas.
    - 52 golos marcados e 65 golos sofridos.
    - 15º lugar na 1ª Liga Portuguesa (descida de divisão)
  • 2007/2008 (Estádio Municipal de Aveiro)
    - 13 vitórias, 16 empates e 11 derrotas.
    - 36 golos marcados e 42 golos sofridos.
    - 6º lugar na 2ª Liga Portuguesa

Como podemos ver nos últimos 5 anos e nos primeiros 5 anos em estádios diferentes o Beira-mar perpetuou os seus adeptos com algumas tristezas e alegrias, embora as alegrias fossem sempre maiores no velho Estádio Mário Duarte. Em relação aos últimos 5 anos a contar de hoje no Estádio Municipal de Aveiro as coisas também não abonam a favor do sucesso e desde que o Beira-Mar veio para o Estádio Municipal de Aveiro e virou em SAD que o clube aveirense deu uma volta de 180º não tendo ninguém ao leme com punho como antigos dirigentes que levaram o Beira-Mar a ser das equipas portuguesas mais respeitadas, sobretudo nos seus jogos caseiros, onde muitos adversários sentiam que jogar em Aveiro poderia ser sinónimo de perda de pontos, tendo sido considerado um dos estádios mais difíceis de se jogar. A dimensão do nosso clube não pode ser tão megalómana para teremos o 5º maior estádio de Portugal, até porque só as moscas é que o enchem.

Se concordas com a vinda do Sport Clube Beira-Mar para o antigo Estádio Mário Duarte, assina a petição em PETIÇÃO PÚBLICA - Beira Mar

Vamos reerguer novamente a mística aveirense. Vamos fazer com que o desejo se realize.

Beiramarense um dia, Beiramarense para todo o sempre.


Update:

  1. Todos nós sabemos que a requalificação do Estádio Mário Duarte envolveria custos, principalmente nas infraestruturas e possivelmente na colocação de cadeiras novas. Contudo, penso que se houver uma peditório, uma chamada dos aveirenses para ajudarem com a sua solidariedade, a requalificarem o estádio que está em estado degradante e o qual de certeza iria ser correspondido na totalidade pelos amantes de Aveiro. O Beira-Mar teria ajudas bem maiores das empresas envolventes de Aveiro do que as que tem neste actual estado.
  2. Um dos pontos que já se falou foi a demolição do EMA, mas isso só as entidades que gastaram 63M€ diz respeito, desde que deixem o Sport Clube Beira-Mar longe do processo e qualquer ligação com custos ao EMA.
  3. As operações de financiamento do EMA, através de fundos imobiliários, custam aos aveirenses 9.400€/dia, cerca de 3,5M€/ano a todos os contribuintes aveirenses, dinheiro suficiente para requalificar o Estadio Mario Duarte e reerguer uma equipa como o Sport Clube Beira-Mar, onde de certeza que passado 1 ano deste investimento, o montante seria bem mais baixo.
  4. O mais triste é saber que passados 12 anos, cada aveirense paga 32€/ano para o 'mono' que se situa fora de Aveiro.
  5. A minha sugestão ficaria numa taxa especial de 1º ano imposta pela Câmara de Aveiro, onde cada aveirense daria 10€/ano (só no 1º ano) o que representaria no 1º ano aos 78.000 habitantes contribuintes aveirenses uma verba a rondar os 780.000€, o que juntando ajudas de empresas aveirenses o montante chegaria ao montante considerável de 1M - 1,5M€, o que já daria muito jeito para requalificar a estrutura do velhinho estádio.

terça-feira, 23 de junho de 2015

Entregue candidatura para a época 2015/16

O Beira-Mar concluiu com todos os pressupostos aplicados pela Liga, sendo que Deus Pereira acredita que a formalização corre lindamente e que o Beira-Mar estará na 2ª Liga na próxima época. Contudo, os aveirenses e sócios do clube terão de esperar pela próxima 2ª feira para saberem se foi ou não aprovada a continuidade do clube no segundo escalão.

Última Hora
  •  O defesa Fábio Santos e o médio Assis que rescindiram recentemente com o clube aveirense, foram apresentados hoje no GD Chaves, antevendo desta forma um ataque feroz para a nova época do clube transmontano, ao invés do clube aveirense que perde duas grandes figuras que podiam dar bastante na nova época no Beira-Mar.
  • O Beira-Mar prepara uma gala beiramarense para destacar os sócios com 25 e 50 anos de filiação.

sábado, 20 de junho de 2015

Paulo Alves sai e é dado como certo no Mafra

  Segundo as notícias que correm pelos jornais, o ainda actual treinador do Beira-Mar estará em negociações com o Mafra, sendo mais uma baixa na nossa equipa, sabendo que foi um excelente profissional e com resultados garantidos desde que chegou ao Beira-Mar em Dezembro.
   Nos 26 jogos ao serviço do Beira-Mar na epoca 2014/2015, alcançou 8V-11E-7D.

domingo, 7 de junho de 2015

Omar Scafuro em tribunal a 18 de Junho


 
 Omar Scafuro foi (finalmente) chamado a depor em tribunal em relação ao julgamento do processo em que a 32 Group de Majid Pishyar reclama a devolução das ações da SAD do Beira-Mar vendidas no final de 2013 a Omar Scafuro, alegando que este não pagou 300 mil dos 450 mil euros acordados pela posição maioritária (quase 85%). A audiência foi marcada para 18 de Junho e veremos se o italiano comparece em tribunal. Contudo, o consenso entre Pishyar e Paulo Silva deverá demorar algum tempo até ser concluído. Ao que tudo indica, espera-se que entre os dias 20 e 27 de Junho muito do futuro para a próxima época esteja resolvido dentro da equipa aveirense.

SAD e Clube entram em consenso


Ao que tudo indica parece que tanto a SAD e o Clube entraram em consenso nos últimos dias e a palavra dada pela SAD vai na via de que o Sport Clube Beira-Mar já começou a preparar a próxima época, invocando dentro de dias, provavelmente no decorrer desta semana, um comunicado no qual darão algumas informações relativas à nova pré-época, embora continue a novela dos 5 meses de salários em atraso. Mesmo assim, a SAD afirma que a nova época vai avançar e tranquiliza desta forma o Clube.
  De relembrar, que face aos salários em atraso, o Beira-Mar já perdeu Fábio Santos, defesa titular indiscutivel e o médio criativo Assis. Atrás destes dois nomes, consta-se que Edu e Vitor Vinha seguirão as mesmas pisadas. Contudo, a SAD já fez saber que de forma séria e honesta quer estabilizar este clube rumo a uma época bem mais tranquila do que a transacta.

Publicidade com o Beira-Mar entre 2011 e 2013 poderá dar em condenações

  Face às notícias vinculadas nas últimas horas, o Ministério Público (MP) pediu a condenação por prevaricação de 10 dos 13 autarcas que aprovaram no seio da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA) dois contratos de publicidade com o Sport Clube Beira-Mar SAD.

 Em causa, pagamentos de cerca de 40 mil euros por conta de protocolos que vigoraram nas épocas de 2011 a 2013, alegadamente como forma de contornar a impossibilidade legal de apoiar o futebol profissional. Pelo que consta, Ribau Esteves (ex-presidente da CIRA e actual presidente da câmara de Aveiro) e José Eduardo Matos são os nomes que o MP acha que mais activos estiveram nas negociações de publicidade.

in Diário de Aveiro

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Assis bate com a porta

Assis (Beira-Mar 2014/15)
Parece que agora é uns atrás dos outros. Desta vez é Assis, médio do Sport Clube Beira-Mar e um dos melhores jogadores auri-negros bateu com a porta, pedindo a rescisão unilateral do contrato por mais um ano, invocando junto da Liga de Clubes através do seu procurador os salários em atraso que tem vindo a sofrer mês após mês.
Mas estando de férias no Brasil não quererá dizer que fique por lá, sabendo nós que Assis assumiu vontade em regressar ao futebol português, onde muito provavelmente terá clubes interessados em si tanto na 1ª Liga como são os casos do Tondela, União da Madeira e Arouca, ou clubes da II Liga com pretensões de fazerem uma época de subida de divisão. Contudo, parece que as saídas não ficam por aqui, e enquanto a SAD/Paulo Silva/Clube não se entenderem mais jogadores irão atrás de Assis e Fábio Santos avançando para a rescisão unilateral dos contratos, estando neste momento na porta de saída jogadores como Rego, Vitor Vinha, Manafa, Edema, André Nogueira, Pedro Moreira e Edu.

Fábio Santos de saída

Fábio Santos (Beira-Mar 2014/2015)
A pouco e pouco o plantel do Beira-Mar vai emagrecendo, e enquanto não houver uma credibilidade dentro deste clube não creio que nenhum jogador pense em envergar a camisola auri-negra na próxima época. E como nem atam nem desatam no seio da SAD, os jogadores com mais de 5 meses de atraso ponderam avançar para rescisão com justa causa, como é o caso de Fábio Santos, jogador que muito deu ao Beira-Mar esta época, com um total de 46 jogos, tendo marcado 2 golos. Tendo sido um dos titulares mais utilizados por Paulo Alves, certamente que Fábio Santos terá mercado, principalmente na 2ª Liga, e ao que tudo indica numa equipa com pretensões de subida e onde os salários são certos ao final do mês, estando possivelmente um interesse do Freamunde em cima da mesa.