Arquivos

domingo, 15 de agosto de 2010

Empate aceita-se e Ronny é reforço!




No arranque da Liga Zon Sagres o Beira-Mar defrontava a União de Leiria. Após quatro anos na divisão secundária do futebol português, a nossa equipa regressava agora ao escalão máximo do futebol nacional (ao que pertencemos diga-se)!


Primeira surpresa da tarde para a ausência de Rui Sampaio do 11 inicial e segunda para a alteração do esquema táctico face à época passada. Leonardo Jardim apostou num 4-4-2 em losango com Djamal no vértice mais recuado, João Luiz ligeiramente mais adiantado, Artur no lado direito e Renan na esquerda, na frente Rui Varela fazia dupla com Leandro Tatu, tendo este último um maior raio de acção. A defesa pertencia a Danilo, Kanu, Hugo e Yohan Tavares, e na baliza Rui Rego. O Beira-Mar iniciou o jogo na expectativa e deixou o Leiria controlar a primeira meia-hora do encontro, ainda que se tenha verificado apenas um único lance de real perigo nas duas balizas. Pouco depois do quarto de hora de jogo, Diogo Amado internacional português nas camadas jovens e formado no Sporting, remata a uns bons 30m da baliza e perante os já conhecidos efeitos da jabulani, Rui Rego faz uma excelente intervenção desviando a bola para pontapé de canto. O Beira-Mar apenas fez um remate na direcção da baliza por intermédio de Djamal, sem perigo, e na jogada de maior frisson junto da baliza leiriense, Kanu sai lesionado tendo de abandonar o encontro. Rui Sampaio foi chamado a jogo, recuando Renan para o lado esquerdo da defesa e Yohan Tavares regressava a posição onde se sente à vontade, central. O Beira-Mar melhorou notoriamente mas continuou sem conseguir criar oportunidades de golo.


O segundo tempo quase abria com o golo dos visitantes não fosse a estrondosa intervenção de Rui Rego. Bola parada para os homens do lis e três jogadores soltos de marcação surgiram perante o guardião auri-negro, que viu Vinicius de cabeça desviar para a baliza obrigando-o a defesa pura de reflexos. A reposta do Beira-Mar não tardou e pareceu-me Yohan Tavares na sequência de mais uma bola parada, cabecear à figura do mundialista Djuricic. Numa transição rápida o Beira-Mar usufruiu de nova boa situação para alvejar a baliza do guardião sérvio, e Tatu depois de bom trabalho individual rematou de pé esquerdo bem ao lado da baliza. Wilson Eduardo saltou do banco com a missão de agitar a partida e o internacional sub 21 percebeu bem a mensagem. A intensidade de jogo aumentou com a velocidade de Wilson e poderia mesmo ter aberto o activo não fosse o espectacular desarme de José António, impossibilitando Wilson Eduardo de ficar já dentro da área cara-a-cara com Djuricic. Já depois dos 80 minutos, Djamal do meio da rua puxou a culatra atrás e viu a bola passar escassos centimetros por cima da baliza.


O nulo no final da partida aceita-se mas pela segunda parte não ficaria mal como vencedor o Beira-Mar, numa partida em que a União de Leiria, embora o seu ténico diga o contrário, acomodou-se bem com o empate!


Nota de destaque para Rui Rego, impecável sempre que foi chamado a intervir, Danilo apesar de algumas limitações é de uma entrega notável, Renan é melhor lateral esquerdo que médio, o meio-campo não funciona sem Rui Sampaio (ou pelo menos funciona muito melhor com ele), Artur está uns furos abaixo em termos fisicos da restante equipa, Tatu apesar de esforçado não teve grandes rasgos e teve a espaços muito distante do jogo, Wilson Eduardo vai ser muito útil e a dupla de centrais com Yohan funcionou igualmente bem!


Ronny ponta de lança brasileiro que já passou pelo Paços de Ferreira assinou contrato, o atleta chega do América-RN do Brasil.




4 comments:

Ricardo Rodrigues disse...

Bom jogo do Beira-Mar no fim da 1ª parte e em quase toda a 2ª, claramente a merecer mais o golo que a União.
Nota-se que ainda faltam limar algumas arestas principalmente a nível de meio-campo, por exemplo o João Luiz, o jogo passa pouco pelo seu raio de acção e isso dá um pouco a ideia de que está ali uma unidade desperdiçada.

Quanto ao Ronny, venha ele e que marque muitos golos... seja com os pés, seja com a mão, desde que sejam para o Beira-Mar contam de qualquer maneira eheh!

PN disse...

Foi um jogo normal de inicio de época. Nem esperava outra coisa. Apesar de algum ascendente nosso o empate aceitasse visto que oportunidades reais de perigo foram quase nulas. Quanto ao resto: julgo que o público apoiou bem o Beira Mar, no entanto é lógico que é preciso mais, sobretudo daqui a duas semanas com a Académica onde espero que Aveiro se mobilize em peso. O equipamento não é feio, contudo não engloba as nossas cores e isso descaracteriza a equipa. Gostei muito do Danilo, Rui Rego e do esforço do Tattu. O Rui Sampaio é para jogar de inicio com o Djamal. O Rui Varela está pesado e o Artur com falta de confiança. Já agora, como sócio, gostaria de saber toda a verdade do Wang Gang.
No Dragão sem receio! AVEIRO E BEIRA MAR SEMPRE!!!!

S.Cruz disse...

equipamento branco para a palhaçada!? usado sem necessidade!

Anónimo disse...

meio que previsivel este empate a zero... o beira com equipa por formar... o leiria com uma pre temporada tao atribulada... ainda assim gostei deste video do renan... apesar de me parecer um tipico 10 brasileiro muito agarrado a bola parece ser um jogador bastante semelhante ao petrolina... espero que possa ter o mesmo sucesso... o sergio é sem duvida um bom reforço.. dos sub 19 um dos mais maduros e com algo a acrescentar a este beira-mar... :D

força beira rumo as 8 vitorias necessarias para a manutençao... pk sejamos realistas é esse o objectivo..