Arquivos

terça-feira, 20 de março de 2007

O sentimento auri-negro

Saudades!! No domingo passado bateu mais forte cá dentro quando cheguei ao Estádio! As saudades já apertavam e o nervoso miudinho era muito. Passado os torniquets senti o cheiro, da relva a regar, do público a chegar e o som vindo das bancadas.
As saudades que tinha de puxar do banco e me puder sentar a apreciar a vista para o relvado, de ver os sócios a falarem da actual situação do clube e a lerem os jornais desportivos... Fez-me lembrar os tempos que acompanhava o meu Clube por esses estádios fora.
Quando a equipa entrou no relvado não me contive: dei o meu aplauso aos meus heróis e dei o meu grito de "Beiraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa". A emoção tomou conta de mim. Puder vê-los ali tão perto de mim... Senti um orgulho enorme naqueles onze que aqueciam e lamentava a minha ausência tão prolongada da vida do meu Clube. Pensei para mim: "os 400km que fiz já valeram a pena por este momento!".
Bati palmas quando os vi a entrar em campo e lembrei-me dos bons tempos de ultra aquando desfraldaram as bandeiras na Bancada Norte. Saudades...
Vibrei, puxei e gritei "GOLOOOOOOOO" por duas vezes abraçado a um sócio que não conhecia de lado nenhum, mas que ambos tínhamos em comum o Sport Clube Beira-Mar.
O resultado foi o que menos contou, para mim, mas aquela sensação de matar saudades do meu Clube foi única.
Este é o meu sentimento auri-negro e que só nós beiramarenses o sentimos...
Que saudades tenho de ti Sport Clube Beira-Mar...

1 comments:

Anónimo disse...

Muito bem esse seu beiramarismo. mas que alento nos dão noticias como as de hoje no jornal jogo: equipa deixou a bola de lado e dedica-se à gastronomia.