Arquivos

terça-feira, 27 de maio de 2008

30 de Maio - Data limite

Na semana passada foi enviada ao Conselho de Administração da EMA,EM uma proposta para regularização da dívida daquela Empresa Municipal para com o SC Beira-Mar. Da aceitação ou não daquela proposta depende a viabilidade de uma solução directiva para o clube. O «grupo de trabalho» responsável pela elaboração da referida proposta aguarda com expectativa um sinal positivo por parte dos responsáveis da EMA. Se tal vier a suceder, a Comissão Administrativa poderá ser eleita no dia 11 de Junho em Assembleia Geral a convocar para o efeito, começando de imediato a trabalhar na resolução de compromissos pendentes e na definição e preparação da próxima época desportiva.
Caso a EMA não demonstre abertura em relação à proposta apresentada, ou, não apresente uma contra-proposta razoável, estaremos perante uma crise sem precedentes na história do clube.

35 comments:

Anónimo disse...

É o fim do Beira Mar. A EMA não tem a CM nao pode dar dinheiro. Ponto final.

Paulo Sergio Santos

Anónimo disse...

Passar a batata quente para o lado de lá, apesar de inevitável e compreensível, irá conduzir ao arrefecimento da mesma e postereor deteoração. Se me faço entender, não é de esperar qualquer resolução por parte da EMA/CMA que permita qualquer solução para actual situação, apesar de ser essa uma obrigação sua. Esperemos......

Anónimo disse...

o beira mar ta a ficar sem os jogadores que interessam. Diogo Luis no leixoes (na volta este tb nao interessava)

Filipe Serra disse...

Grande Nuno, tá tudo?
O beira-mar tem que iniciar um projecto á "paços de ferreira". A queda pode acontecer mas tens força pra te levantares outra vez sem ter o futuro financeiro comprometido. Aquele estádio está mal aproveitado e as poliicas para o futebol têm estado erradas. A ligação ao FCPorto serviu para alguma coisa???????

Anónimo disse...

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional acaba de anunciar em comunicado as novas regras dimanadas da reunião de ontem da sua Comissão Executiva e que respeitam às obrigações dos clubes ou SAD, quanto ao pagamento de salários, o que faz com que a partir da próxima época, clubes ou SAD com dívidas a jogadores e técnicos não possam participar nas competições profissionais.

Nuno Q. Martins disse...

Olá Filipe!

Pois é. Eu percebo o que queres dizer com "um projecto à Paços de Ferreira". Referes-te a uma gestão equilibrada, algo que faltou nos últimos anos ao Beira-Mar. No entanto, deixa-me que te diga que o Beira-Mar não tem que iniciar esse projecto, tem é que o recuperar, pois foi um exemplo de gestão durante vários anos em Portugal. O grande problema do clube, neste momento, são os compromissos de curto-prazo que transitam da direcção demissionária e cuja resolução depende da regularização da dívida da EMA com o clube. Sem resolver essa questão, a inscrição do clube nas competições profissionais está em risco.
A situação do Beira-Mar é muito delicada e a cidade nestes últimos anos "desligou-se" do seu principal clube.
Quanto à ligação ao FC Porto, serviu apenas para descredibilizar ainda mais o clube e a sua direcção.

Aquele abraço.

Anónimo disse...

O que se espera é uma resposta da EMA. Seja ela qual for, temos que ter uma respota.
Essa resposta é determinante para a solução.
Todas as instituições, empresas etc., tem o seu projecto financeiro, é legitimo querer saber os pressupostos para executar qualquer projecto.
É a hora da verdade e saber com o que contamos.
O BeiraMar não está a pedir subsidios, está a pedir clarificação quanto aos contratos assinados. O Beiramar não tem condições de ser o financiador da EMA.
Rui Costa

Ema disse...

Não há nada pra ninguem. tamos tesos. o presidente anda a poupar para comprar terrenos em requeixo e não pode pagar o que nos deve.
mais vale baterem a outra porta
Ema

Anónimo disse...

Mas afinal quem é que vive à sombra do futebol? os politicos ou os clubes? neste caso parece que a EMA vive à custa da Instituição Sport Clube Beira Mar.

Não há nenhuma entidade neste pais que veja e que fiscalize estas situações?

não basta os municipes pagaram para manter estas estruturas todas, também tem de ser um clube com 85 anos de história a morrer, para continuar a alimentar sabe-se lá quem?

ISTO É UMA VERGONHA

Anónimo disse...

É a EMA que vive à custa do Beira-Mar ou é o Beira-Mar que quer sobreviver á custa da EMA e da CMA?!
Como é que um clube pode ter futuro se depende de uma divida de uma Instituição?
Então e os outros clubes que também têm dinheiro a receber da CMA?
Se houver para uns também tem que haver para os outros....

Anónimo disse...

Vergonha, meu amigo, isso é o que vai faltando a muito boa gente, sentados e com a cabeça enterrada entre as orelhas.
Assim vai a nossa amiga Ema.
Sergio Godinho

Anónimo disse...

«Caso Fary»: Boavista e Beira Mar agendam tentativa de conciliação
[ 2008/05/28 | 16:27 "in Mais Futebol"

Boavista e Beira Mar vão encontrar-se no dia 26 de Junho, no Tribunal do Comércio de Vila Nova de Gaia, para uma tentativa de conciliação, de forma a solucionar «pacificamente» o pedido de insolvência relativo à transferência de Fary para o Bessa.

Nuno Guerra, advogado dos aveirenses, garante que a intenção é mesmo reaver a dívida de 130.000 euros. Os dois clubes vão «tentar chegar a um entendimento», diz, citado pela Lusa. «Caso tal não suceda, vai ter de se partir para julgamento», acrescenta, e as consequências poderão ser «muitas ou nenhumas, consoante o evoluir do processo».

«Pelo seu carácter devia ser um processo urgente, mas vai depender de como tudo progredir na Justiça. Se for considerado insolvente, o clube [Boavista] incorrerá num processo de encerramento», explicou Nuno Guerra.

Anónimo disse...

desculpem mas esta treta da pressao sobre a camara cheira-me a grande esturro... a ver vamos como diz o cego > mas eu e que sou burro

BM

Anónimo disse...

Ao anónimo das 5.o5 PM
O Beira-mar é credor da EMA pelo facto de ter prescindido do valor da venda de camarotes no novo estádio em favor daquela empresa camarária. De referir que a venda dos camarotes do velhinho M. duarte rendia cerca de 80.000 contos (dos antigos) ano, receita que o clube deixou de auferir desde Outubro de 2003.
quanto ás dívidas da CMA de Aveiro pela compensação da formação, aí sim o Beira-mar pode ser colocado a par de muitos outros clubes do Concelho.
Paulo Nogueira

Anónimo disse...

Ai, mas então é isto.
Que eu saiba o único devedor é sem sombra de duvida a CMA.
Primeiro, porque não ter pago a divida da formação,neste caso das actividades amadoras, (que nós sabemos que a formação nunca o vê).
Segundo, por ter criado mais um organismo autárquico a EMA e esta sim é muito grave porque para além do problema criado ao Beira Mar, também criaram mais uma despesa aos contribuintes que têm de suportar tudas as asneiras que a CMA tem feito.
Não será também isto abuso de poder?
Eu em casa só gasto de acordo com o meu rendimento familiar e só depois de estar bem firme de que possuo essa verba, não o faço por conta. A CMA fê-lo de forma desmesurada e agora o povinho é quem paga.

Anónimo disse...

BM: Isto é simples a EMA subsiste graças ás receitas geradas pelo beiramar. acreditas que é com jogos de xadrez que arranjam dinheiro, pelo contrario. julga que é com este campeonato das empresas que ganham dinheiro?pelo contrario. é o beiramar que suporta tudo.
pelo que toda a gente diz
existe um contrato em que o beira mar´joga e a ema vende os camarotes e lugares e tem de pagar 50% ao clube e nada!!!
Jorge Mendes

Daniel disse...

Parece evidente que dinheiro da camara nao vai chegar.

'A distancia e sem conhecer os detalhes da situacao, fazendo um pouco de futurologia, para o Beira-Mar poder inscrever-se na proxima edicao da 2a Liga vai ter de:
. Mano Nunes e seus pares regularizarem do seu bolso as dividas ao plantel e funcionarios.
. Mudar-se de armas e bagagens para o velhinho Mario Duarte.
. Segurarem todos os juniores que tao boa conta de si tem dado este ano e lanca-los a todos na 2a Liga.
. Renegociarem os creditos com a Banca.

Ora a combinacao de todas estas coisas parece-me, no minimo, um improvavel exercicio estatistico, que traduz as hipoteses que o clube tem de sobreviver. Para nos safarmos, ja' comeca a soar a milagre.

Anónimo disse...

RECOMENDAÇÃO:

Vejam a pag 7 do jornal "O Aveiro" de hoje.
Espelho da EMA.
Não podia ser mais autentico.



Nota: vê se consegues coloca-lo online.

Anónimo disse...

"já agora" é de lêr
Mas tambem JN

Anónimo disse...

http://www.oaveiro.pt/?lop=conteudo&op=142949df56ea8ae0be8b5306971900a4&id=1af1a2e1c891b3cb9fad0a57d927a492


http://jn.sapo.pt/2008/05/29/desporto/dividas_beiramar_rondam_quatro_milho.html


http://www.ojogo.pt/24-98/artigo721900.asp

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=f8mvo9XQ1CU&feature=related

Associem-se a esta causa.

que trepos...

Anónimo disse...

O "SITE" tambem já funciona...!!!!!!!!

Anónimo disse...

ora bem... sobre o que vem no site é igual a nada. nada. já se sabia. e depois? Qual é a posição? a camara nao paga como ta visto. o beira vai para a segunda? ok e depois? o que acontece? a camara aí paga? a comissao administrativa avança? ou o beira vai acabar? EM QUE FICAMOS senhores?

BM

Anónimo disse...

aquilo que parece é que alguem vai aparecer ou quer aparecer como SALVADOR da patria.

BM

Nuno Q. Martins disse...

Senhor ou senhora "BM";

As pessoas habituaram-se à ideia de que aparece sempre alguém. Há sempre um tolo que não se importa de hipotecar o seu património pessoal por causa de uns minutos de fama e aparecer como o "salvador".

Não se iluda. Não me consta que existam muitos milagreiros - daqueles que fazem milagres e não dos que dizem fazer - por esta região.

As pessoas que estão disponíveis a sacrificarem-se pelo clube já disseram em que medida estão dispostas a fazê-lo. Mais do que isso, não é legítimo exigir a ninguém. O Beira-Mar não é um clube apenas de meia-dúzia de pessoas. É um clube dos sócios e dos aveirenses que serve e representa.

As responsabilidades em relação ao clube são de todos e não apenas de alguns.

Cumprimentos.

Anónimo disse...

estes comentários tipo "BM" tem muita graça....., não fazem nada para ajudar, mas para pôr abaixo estão sempre prontos....é preciso muita paciência e coragem para aturar este tipo de gentinha..

Santos

Anónimo disse...

Só mais uma "escritinha" ao "BM". será que se fosse funcionário do clube não estaria a rezar para aparecer um SALVADOR da pátria? ou será que é funcionáro/a da EMA e não está com problemas de salários em atraso, ou com problemas de ver o seu posto de trabalho a desaparecer e até nem é de Aveiro e nem gosta do clube e por isso é-lhe indiferente a sua morte ou vida?

Santos

Anónimo disse...

Boa noite:

Sou e serei sempre beiramarense.


Se o Beira-mar acabar será porque Aveiro (não o) merece.

Oxalá tudo corra bem.

Luis Dias

Anónimo disse...

É aqui, que se vê ainda o Beira a pulsar. Todos aqueles que sofrem com o nosso clube e que querem ver esta crise/pesadelo ultrapassado.

Aqueles para quem só há um clube, o clube da nossa terra e da nossa região.

Cumprimentos


Luis Dias

Anónimo disse...

Luis Dias

Você sabe quantos clubes existem em Aveiro, na nossa terra, na nossa região?

Anónimo disse...

Essa história é toda muito bonita mas há argumentos que caem por terra com as evidências:

1º Na época anterior a esta que agora terminou, com o Beira Mar na Primeira Liga, foi-lhe dada a comercialização dos camarotes. Fizeram 230.000,00€ mas não prescindiram de receber 50.000,00€. Onde é que está a correcção?

2º A dívida da EMA com o Beira Mar vem do simples facto de pagar/ficar a dever ao clube para jogar no Estádio Novo;

3º Quem paga a água, gás, luz, reparações e quase tudo o resto sempre foi a EMA.

Quem vive à custa dos contribuintes é o Beira Mar,que tem 30.000 lugares para vender e vende "nicles batatoides".

A Câmara está a ser indecendemente acossada por problemas de um clube que anda há muito tempo perdido.

É precisa seriedade.

Bruno Martins disse...

Para o BM que anda por ai a assinar e que não revela a sua autenticidade:
Já há algum tempo (meses) comentei, em alguns blogs, o facto de alguém ter abreviado a sigla "Beira-Mar" para "BM", como você fez neste momento.
Como costumo abreviar o meu nome Bruno Martins para BM, solicito-lhe ,caso lhe seja possível, para que seja mais concreto no que assinou porque desde 1997 que sou conhecido na net pela comunidade beiramarense com o nickname BM/Beira-Mar.

Anónimo disse...

Respondendo ao último e caro interlocutor.

Clubes da minha terra e da minha região sei que são alguns.

E da minha minha terra e da minha região, gosto de todos, mas de todos ele (Illiabum, Ovarense, Esgueira, Beira-Mar etc...) escolho (com toda a legitimidade, creio) um.

Porém,da minha terra e da minha região não são garantidamente o Benfica, o Porto ou o Sporting de Lisboa.


Com os melhores cumprimentos


Luis Dias

Soares de Castro disse...

Lê-se e não se acredita...Artur Filipe mostra-se indignado ao jornal Record porque, segundo diz, ninguém faz nada para salvar o Beira Mar. Mas este senhor não foi o presidente da direcção que recebeu um clube financeiramente equilibrado e estável e o colocou na situação de falência em que se encontra?!... Ou sou eu que estou apanhadinho de todo?...

Falcão Peregrino disse...

Ao anónimo das 4:16, clubes na região há muitos, até demais, clubes que identifiquem e representem realmente a nossa região há muito poucos e o Beira Mar é inquestionavelmente o maior deles, mesmo que alguns não queiram ver a evidência. Daí que se o Beira Mar acabar, isso será quer queiramos quer não, uma vergonha e uma desonra para toda uma cidade que deixa morrer um dos seus maiores símbolos e um dos seus maiores embaixadores. Se não mesmo o maior!