Arquivos

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Gozar com o Povo!


Alheio ao futebol, mas mantendo certas rivalidades, hoje deparei-me com a seguinte notícia:

 

"Zulmira Cândida de Jesus Gonçalves, antiga chefe de divisão administrativa e do atendimento da Câmara de Coimbra e atual jurista no Gabinete para o Centro Histórico, é a nova diretora do Museu de Aveiro."

 

Já chega de tamanho gozo! Basta desta evidente falta de valores e moralidades (ou falsas). Uma coisa é serem incompetentes, outra é serem quadrados sem ética.

 

Este tipo de provocações de carácter insultuoso (no mínimo) é a prova cabal que Aveiro está entregue a gente sem valores (começo a ser repetitivo, mas é a pura das verdades). E mais: o foral de Aveiro, para quem não sabe, encontra-se em Coimbra. Adiante: cunhas (espécie de "job for the boys"), carência de valores e moralidades, falta de paixão por uma cidade que tinha tudo para fomentar um espirito bairrista de salutar, etc. Felizmente, pouco-a-pouco, as pessoas vão abrindo os olhos perante tal corja.

 

Citando, e bem, o meu amigo Afonso Miranda: “Faço votos de que o túmulo lhes caia em cima.

 

Foto: Facebook de Paulo Pinheiro.
 

11 comments:

Anónimo disse...

Apoiadíssimo.
C. Silva

Anónimo disse...

uma vergonha..

Rui Almeida.

Anónimo disse...

E não ficamos por aqui... estão na forja a transferencia de mais centro de decisões para Coimbra ou para coimbrinhas

Anónimo disse...

Uma geração de politicos da nossa região muito fraca, apenas preocupada com a sua quintinha e mesmo aí tambem não tem desempenho aceitável

Anónimo disse...

APOSTO QUE SE A SENHORA FOSSE DO PORTO, DE LISBOA OU DA COVILHÃ JÁ NÃO ERA NOTÍCIA!!

A AZIA CONTINUA...

c. silva disse...

Que claro que se fosse de outro lado mas, os cuimbrinhas acham-se doutores e que sabem tudo mas na realidade há grande corrupção - veja-se o caso do Dr Zé Eduardo da AAC-OAF que de vereador da CMC foi para presidente corrupto do referido clube e foi apnhado com a traseira do carro cheia de notas e já foi sentenciado pelo tribunal com ordem de prisão - recorreu, claro.

Anónimo disse...

Não tem a ver com o facto de ser de coimbra, mas com o processo. Nomeação directa de uma pessoa sem qualificações e provavelmente sem tempo, já que vai acumular duas funções - santa clara e museu de aveiro.

devia ser ah moda antiga - não deixar a senhora entrar no museu.

Anónimo disse...

Esta é a politica dos politicos deste país.
A tachada continua, agora até nos museus.

tone disse...

ao anonimo das 19.17...E verdade, ainda ando a rennie, mas tu andas a vaselina seu cabrao...Isto e muito simples, voces metem nojo e nos nao gostamos de coimbra e tudo associado a esse canto imundo, Provocaram agora fodem-se.

Anónimo disse...

Se for boa o que é que interessa ser de coimbra?

Anónimo disse...

fora com essa corja dessa cidade de chupistas que sempre viveram àpala de mordomias sem produziram um chavo. Fora com os tachos dos cuimbrinhas. Fora a bem ou a mal!